Veja nossas notícias e saiba de todas as novidades.
Olá, visitante. Acesse sua conta ou cadastre-se.
Na casa de meu pai: a África na filosofia da cultura

Na casa de meu pai: a África na filosofia da cultura

Fora de estoque
 
R$74,00 R$66,60
Modelo: Impresso
Edição: 1
Ano de publicação: 2016
Número de páginas: 304
ISBN: 9788585910167
Editora: EDITORA CONTRAPONTO
Sinopse Autor Comentários (0)
Nascido em Gana em 1954, Kwame Anthony Akroma-Ampim Kusi Appiah doutorou-se em filosofia pela Universidade de Cambridge em 1982. Construiu desde então impressionante carreira acadêmica, lecionando nas universidades de Yale, Cornell e Duke, antes de assumir sua posição atual, como titular de estudos afro-americanos e de filosofia na Universidade Harvard. Publicou centenas de artigos em revistas especializadas e 22 livros, entre os quais "Color Conscious: The Political Morality of Race", "Necessary Questions: An Introduction to Philosophy, for Truth in Semantics" e "A Dictionary of Global Literacy". "Na casa de meu pai: a África na filosofia da cultura", considerado o seu livro mais importante, recebeu os prêmios Annisfield-Wolf, Herskovits e James Russell. O livro impressiona pela curiosa mistura de aspectos autobiográficos, pois a condição africana do autor está sempre presente, e o altíssimo nível de erudição. É um texto raro, tanto pelo caráter interdisciplinar (pois incursiona pela biologia, filosofia, crítica e teoria literárias, sociologia, antropologia e história) quanto pelo aspecto intercultural (pois discute ideias africanas, norte-americanas e europeias). Os capítulos podem ser divididos em quatro grupos, cada um deles com uma preocupação central. No primeiro, Kwame Appiah submete a uma crítica impiedosa a ideia de que existam raças humanas, fortemente presente tanto no pensamento europeu e norte-americano moderno, quanto nas origens do pan-africanismo. No segundo, mostra como a tentativa de construir uma identidade africana levou a minimizar-se a enorme diversidade cultural do continente e a esconder-se a profunda influência que os intelectuais negros engajados nesse movimento receberam das ideias dominantes na Europa e nas Américas. Seguem-se dois capítulos motivados por uma preocupação essencialmente filosófica com as questões da razão e da modernidade, em que Appiah, tratando da modernização da África, faz uma brilhante análise crítica de algumas posições adotadas por Max Weber. O último grupo de capítulos levanta questões mais diretamente políticas, mas converge para a discussão teórica, fundamental no mundo contemporâneo, da construção de identidades raciais, étnicas, nacionais e supranacionais. "Na casa de meu pai" faz jus aos prêmios que conquistou e nos mostra um intelectual erudito e maduro, publicado pela primeira vez em língua portuguesa.
Livros
Autor KWAME ANTHONY APPIAH

Fazer um comentário

Seu Nome:


Seu Comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim            Bom

Digite o código da imagem:



Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro
Desenvolvimento
Criação de sites RJ: Murillo Camargo & Doble
MauadX © 2012 - Todos os direitos reservados
Avaliação de Lojas e-bit