Veja nossas notícias e saiba de todas as novidades.
Olá, visitante. Acesse sua conta ou cadastre-se.

COMUNISTA QUE NÃO DEIXOU RASTROS, O

Em Estoque
 
R$36,00
Modelo: Impresso
Edição: 1
Ano de publicação: 0
Número de páginas: 192
ISBN: 9788571064676
Editora: EDITORA REVAN
Sinopse Autor Comentários (0)
" Letelba Rodrigues de Britto foi um advogado com notável atuação no foro do Rio de Janeiro durante os anos 1950-70. Comunista, tornou-se ativo participante da vida política do país na condição de advogado da direção do PCB. Destacou-se como ativista do Movimento pela Paz, no seio do qual estendeu sua ação ao plano internacional. Além de defender o próprio Partido da perseguição política e judicial de que era alvo, foi advogado em especial de Luis Carlos Prestes, mas defendeu também Marighela e outros destacados dirigentes comunistas, dos quais tornou-se amigo. Tornou-se amigo também de Jorge Amado, Portinari e outros personagens que marcaram a vida intelectual e artística do país na época. Além de advogado de competência reconhecida, foi químico, banqueiro, comerciante, hoteleiro, fazendeiro, sempre com sucesso em cada atividade. Tinha a característica também de ser sempre descuidado dos assuntos de dinheiro, que escoava por suas mãos não só para os filhos, como para os amigos, para os companheiros de luta ideológica e para os mais necessitados. Esta biografia foi escrita por seu filho Evandro Rodrigues de Britto, engenheiro sanitarista com expressiva atuação no serviço público do Rio de Janeiro. O texto traz o calor do carinho filial, mas tem farta documentação, depoimentos de amigos e familiares, além de observação de circunstância histórica, para ajudar o leitor a se situar naqueles momentos tão intensos da vida brasileira e mundial. A apresentação de Roberto Amaral assinala: “Esse profissional assim tão aplicado era também intelectual sem vaidades e despojado dos bens materiais. As recordações de Evandro nos conduzem a personagem que associa rigoroso engajamento político a um certo viver quase boêmio, se posso dizer boêmio daquele viver que se apaixona pela beleza da vida, que sabe usufruir de seus prazeres ou seja, que, lembrando aquele poeta que se perdeu nas montanhas bolivianas, sabe endurecer sem perder a ternura. E, sempre, sem fazer concessões ideológicas.” Este livro faz parte da Série Resgatando o Passado, patrocinada pela FAPERJ, sob a organização de Edna Raquel Hogemann, pesquisadora e professora de História na UERJ. "
Livros
Autor EVANDRO DE BRITTO

Fazer um comentário

Seu Nome:


Seu Comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim            Bom

Digite o código da imagem:



Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro
Desenvolvimento
Criação de sites RJ: Murillo Camargo & Doble
MauadX © 2012 - Todos os direitos reservados
Avaliação de Lojas e-bit