Prazer do sexo, O: Uma celebração da luxúria, do desejo e do amor na antiguidade

Prazer do sexo, O: Uma celebração da luxúria, do desejo e do amor na antiguidade

Prazer do sexo, O: Uma celebração da luxúria, do desejo e do amor na antiguidade

  • EditoraAPICURI
  • Modelo: 2A70310
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$ 41,65

    R$ 49,00
Seja explícito ou em reality shows, em tons de cinza ou com amor, o sexo produz e permeia nossa vida. Neste livro, Vicki León desvela, com incansável bom humor, a alegre sexualidade de gregos, romanos e outras culturas antigas do Mediterrâneo ao escancarar portas de salas sombrias e derrubar as cortinas do decoro. Combinando irreverência a uma arrojada pesquisa histórica, e amparada em inumeráveis fontes de informações – tanto escritas e pictóricas quanto refinadas e incultas –, a autora propõe aqui um estimulante percurso por temas como afrodisíacos e anti-afrodisíacos, ninfomania, bissexualidade, androginia, travestismo, e nos mostra que hermafroditas, adúlteros, pornografia, consolos e indefinição dos papéis sexuais se faziam mais do que presentes já no jogo social da Antiguidade.

Em relatos surpreendentes e deliciosas anedotas que citam rostos conhecidos, como Sócrates, Targélia de Mileto, Orfeu, Calígula, Sófocles, Zeus e Afrodite, O Prazer do Sexo desmistifica tabus e às vezes faz ruborizar até mesmo o cidadão mais sintonizado com nossa dita contemporaneidade libertária, ainda afogada em códigos de conduta. Nessa maratona pelos caminhos da sexualidade humana, de homens e mulheres ao natural – alguns ardendo de paixão, outros ansiosos ou traindo, sinistramente venenosos –, o amor também ganha atenção, quando León revela os laços duradouros entre os militares, a deificação dos amantes e a adoração de animais.

Com tal enredo, O Prazer do Sexo indica que, por mais que já tenhamos lido todos os clichês sobre amor platônico, ouvido falar de Safo e bisbilhotado filmes sobre orgias romanas, sabemos bem menos do que julgávamos no que diz respeito à luxúria, ao desejo e ao amor na Antiguidade.
Características
Ano de publicação 2015
Autor VICKI LEON
Biografia Seja explícito ou em reality shows, em tons de cinza ou com amor, o sexo produz e permeia nossa vida. Neste livro, Vicki León desvela, com incansável bom humor, a alegre sexualidade de gregos, romanos e outras culturas antigas do Mediterrâneo ao escancarar portas de salas sombrias e derrubar as cortinas do decoro. Combinando irreverência a uma arrojada pesquisa histórica, e amparada em inumeráveis fontes de informações – tanto escritas e pictóricas quanto refinadas e incultas –, a autora propõe aqui um estimulante percurso por temas como afrodisíacos e anti-afrodisíacos, ninfomania, bissexualidade, androginia, travestismo, e nos mostra que hermafroditas, adúlteros, pornografia, consolos e indefinição dos papéis sexuais se faziam mais do que presentes já no jogo social da Antiguidade.

Em relatos surpreendentes e deliciosas anedotas que citam rostos conhecidos, como Sócrates, Targélia de Mileto, Orfeu, Calígula, Sófocles, Zeus e Afrodite, O Prazer do Sexo desmistifica tabus e às vezes faz ruborizar até mesmo o cidadão mais sintonizado com nossa dita contemporaneidade libertária, ainda afogada em códigos de conduta. Nessa maratona pelos caminhos da sexualidade humana, de homens e mulheres ao natural – alguns ardendo de paixão, outros ansiosos ou traindo, sinistramente venenosos –, o amor também ganha atenção, quando León revela os laços duradouros entre os militares, a deificação dos amantes e a adoração de animais.

Com tal enredo, O Prazer do Sexo indica que, por mais que já tenhamos lido todos os clichês sobre amor platônico, ouvido falar de Safo e bisbilhotado filmes sobre orgias romanas, sabemos bem menos do que julgávamos no que diz respeito à luxúria, ao desejo e ao amor na Antiguidade.
Edição 1
Editora APICURI
ISBN 9788583170310
Páginas 334

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.