ZONA DA MATA MINEIRA: escravos, família e liberdade

ZONA DA MATA MINEIRA: escravos, família e liberdade

ZONA DA MATA MINEIRA: escravos, família e liberdade

  • EditoraAPICURI
  • Modelo: 2A22686
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$ 29,75

    R$ 35,00
A presente coletânea é fruto do trabalho do grupo de pesquisa Sociedade, Cultura e Trabalho na Região da Zona da Mata mineira, séculos XVIII-XX, que foi criado após o “II Encontro de História Econômica e Social da Zona da Mata Mineira”, realizado em Muriaé (MG), em outubro de 2008, na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Santa Marcelina (Fafism/Muriaé). Por meio de um meticuloso levantamento das fontes bibliográficas, paroquiais, cartorárias e de periódicos, o grupo pretende traçar o desenvolvimento da sociedade formada à margem direita do rio Paraíba do Sul, entre os rios Pomba e Doce, e arredores, enfatizando aspectos da estrutura de posse da terra, as várias formas de trabalho, bem como os aspectos sociais, culturais e econômicos surgidos nessa sociedade entre os séculos XVIII e XX.

O leitor encontrará nestes textos uma leitura fácil, de narrativa objetiva e adequação entre o método analítico e as fontes utilizadas, em um perfeito diálogo com a historiografia nacional, possibilitando aproximações e comparações com outras regiões.

A coleção História e Regiãotêm por objetivo produzir uma historiografia preocupada em aprofundar o conhecimento de unidades regionais aclarando temas que incluem o estudo de sistemas agrários, estruturas populacionais, a organização de famílias e suas relações de poder, além das perspectivas políticas daí decorrentes.

Inicialmente, os três fascículos que inauguram a coleção se debruçam sobre a região da Zona da Mata de Minas Gerais privilegiando questões sobre a demografia escrava, a estruturação da riqueza advinda da cafeicultura e do escravismo, os conflitos decorrentes da posse da terra e os movimentos políticos que deram amparo ideológico a essas estruturas.

Embora o grupo trabalhe com quatro linhas de pesquisa: Imprensa e cultura política, Patrimônio e cultura, Trabalho e região e Relações sociais na Zona da Mata mineira, este projeto envolve apenas esta última, visando à maior unidade dos textos.
Características
Ano de publicação 2012
Autor JORGE PRATA DE SOUSA E RÔMULO GARCIA (ORGS.)
Biografia A presente coletânea é fruto do trabalho do grupo de pesquisa Sociedade, Cultura e Trabalho na Região da Zona da Mata mineira, séculos XVIII-XX, que foi criado após o “II Encontro de História Econômica e Social da Zona da Mata Mineira”, realizado em Muriaé (MG), em outubro de 2008, na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Santa Marcelina (Fafism/Muriaé). Por meio de um meticuloso levantamento das fontes bibliográficas, paroquiais, cartorárias e de periódicos, o grupo pretende traçar o desenvolvimento da sociedade formada à margem direita do rio Paraíba do Sul, entre os rios Pomba e Doce, e arredores, enfatizando aspectos da estrutura de posse da terra, as várias formas de trabalho, bem como os aspectos sociais, culturais e econômicos surgidos nessa sociedade entre os séculos XVIII e XX.

O leitor encontrará nestes textos uma leitura fácil, de narrativa objetiva e adequação entre o método analítico e as fontes utilizadas, em um perfeito diálogo com a historiografia nacional, possibilitando aproximações e comparações com outras regiões.

A coleção História e Regiãotêm por objetivo produzir uma historiografia preocupada em aprofundar o conhecimento de unidades regionais aclarando temas que incluem o estudo de sistemas agrários, estruturas populacionais, a organização de famílias e suas relações de poder, além das perspectivas políticas daí decorrentes.

Inicialmente, os três fascículos que inauguram a coleção se debruçam sobre a região da Zona da Mata de Minas Gerais privilegiando questões sobre a demografia escrava, a estruturação da riqueza advinda da cafeicultura e do escravismo, os conflitos decorrentes da posse da terra e os movimentos políticos que deram amparo ideológico a essas estruturas.

Embora o grupo trabalhe com quatro linhas de pesquisa: Imprensa e cultura política, Patrimônio e cultura, Trabalho e região e Relações sociais na Zona da Mata mineira, este projeto envolve apenas esta última, visando à maior unidade dos textos.
Editora APICURI
ISBN 9788561022686
Páginas 204

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.