Artificação: problemas e soluções

Artificação: problemas e soluções

Artificação: problemas e soluções

  • EditoraUNESP
  • Modelo: 7406756
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$ 19,36

    R$ 22,00
Affonso Romano de Sant’Anna toma o recente conceito de artificação – elaborado no início do século XXI pela socióloga francesa Roberta Shapiro – para repensar o lugar, o papel e a função da arte em nossa contemporaneidade. Na contramão da antiarte ou da não arte, com sua busca de criar objetos artísticos sem significação, a artificação procura entender como, quando e por que são criadas novas formas de expressão artística, levando-nos a rever o conceito de arte e ainda diversos problemas da modernidade e da pós-modernidade. A investigação da artificação envolve “historiar como se deu a inclusão dos excluídos” no campo das artes, ou seja, como um determinado fazer tornou-se artístico e em que circunstâncias, o que só pode ser problematizado com o aporte de diversas disciplinas, como a antropologia, a sociologia e a história.
Neste livro, aliás, Affonso Romano insiste na necessidade de um caráter cada vez mais interdisciplinar para o estudo da arte, renovando alguns enfoques teóricos que, isolados, não conseguem mais dar conta do atual cenário artístico da pós-modernidade, marcado pela morte do autor e da arte e, ao mesmo tempo, pela proliferação de tantas atividades requisitando o estatuto artístico.
Características
Ano de publicação 2017
Autor AFFONSO ROMANO DE SANT'ANNA
Biografia Affonso Romano de Sant’Anna toma o recente conceito de artificação – elaborado no início do século XXI pela socióloga francesa Roberta Shapiro – para repensar o lugar, o papel e a função da arte em nossa contemporaneidade. Na contramão da antiarte ou da não arte, com sua busca de criar objetos artísticos sem significação, a artificação procura entender como, quando e por que são criadas novas formas de expressão artística, levando-nos a rever o conceito de arte e ainda diversos problemas da modernidade e da pós-modernidade. A investigação da artificação envolve “historiar como se deu a inclusão dos excluídos” no campo das artes, ou seja, como um determinado fazer tornou-se artístico e em que circunstâncias, o que só pode ser problematizado com o aporte de diversas disciplinas, como a antropologia, a sociologia e a história.
Neste livro, aliás, Affonso Romano insiste na necessidade de um caráter cada vez mais interdisciplinar para o estudo da arte, renovando alguns enfoques teóricos que, isolados, não conseguem mais dar conta do atual cenário artístico da pós-modernidade, marcado pela morte do autor e da arte e, ao mesmo tempo, pela proliferação de tantas atividades requisitando o estatuto artístico.
Edição 1
Editora UNESP
ISBN 9788539306756
Páginas 96

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.