Copa do Mundo: Futebol, mídia e identidades nacionais

Copa do Mundo: Futebol, mídia e identidades nacionais

Copa do Mundo: Futebol, mídia e identidades nacionais

  • EditoraLAMPARINA
  • Modelo: 1B60496
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$ 34,20

    R$ 38,00
Após a Copa do Mundo de 2014, muitas coisas em que acreditávamos deixaram de fazer sentido. Por exemplo, a “tragédia” de 1950, nosso grande mito fundador como “país do futebol” (um jogo do qual somente os mais velhos têm registros na memória), perdeu boa parte de seu potencial dramático quando comparada com a humilhante derrota por 7 × 1, a que assistimos incrédulos em 2014, ao vivo e em cores. A “mística da camisa amarela”, nossa crença em que “com brasileiro não há quem possa” e no destino manifesto de glórias reservado ao futebol do Brasil, passou a parecer infantilidade, pensamento mágico, ingenuidade. Naquele jogo, algo se quebrou para sempre.

Nesse campo de significados muito mais dinâmico e surpreendente do que supúnhamos, este livro representa uma tentativa de explorar este momento de transição, momento em que instituições e processos se transformam, e em que aquilo que virá a ser novo ainda não se mostra de modo claro.

Os trabalhos publicados neste livro foram apresentados em um evento organizado pelo Laboratório de Estudos de Mídia e Esporte (Leme), da Uerj, em setembro de 2014. Com a participação de pesquisadores/as de renome internacional, esta coletânea representa um importante passo para nós, pesquisadores/as do esporte, superarmos a estupefação do primeiro momento e passarmos a pensar os significados articulados ao futebol na identidade nacional brasileira sob esta nova perspectiva.
Características
Ano de publicação 2017
Autor RONALDO HELAL; ÉDISON GASTALDO(ORGS)
Biografia Após a Copa do Mundo de 2014, muitas coisas em que acreditávamos deixaram de fazer sentido. Por exemplo, a “tragédia” de 1950, nosso grande mito fundador como “país do futebol” (um jogo do qual somente os mais velhos têm registros na memória), perdeu boa parte de seu potencial dramático quando comparada com a humilhante derrota por 7 × 1, a que assistimos incrédulos em 2014, ao vivo e em cores. A “mística da camisa amarela”, nossa crença em que “com brasileiro não há quem possa” e no destino manifesto de glórias reservado ao futebol do Brasil, passou a parecer infantilidade, pensamento mágico, ingenuidade. Naquele jogo, algo se quebrou para sempre.

Nesse campo de significados muito mais dinâmico e surpreendente do que supúnhamos, este livro representa uma tentativa de explorar este momento de transição, momento em que instituições e processos se transformam, e em que aquilo que virá a ser novo ainda não se mostra de modo claro.

Os trabalhos publicados neste livro foram apresentados em um evento organizado pelo Laboratório de Estudos de Mídia e Esporte (Leme), da Uerj, em setembro de 2014. Com a participação de pesquisadores/as de renome internacional, esta coletânea representa um importante passo para nós, pesquisadores/as do esporte, superarmos a estupefação do primeiro momento e passarmos a pensar os significados articulados ao futebol na identidade nacional brasileira sob esta nova perspectiva.
Edição 1
Editora LAMPARINA
ISBN 9788583160496
Páginas 176

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.